O engajamento caiu? Saiba o que está acontecendo nas suas publicações do Facebook

O engajamento caiu? Saiba o que está acontecendo nas suas publicações do Facebook

O engajamento caiu? Saiba o que está acontecendo nas suas publicações do Facebook

O número médio de engajamento nas publicações de Facebook criadas por marcas e criadores de conteúdo caiu cerca de 20% desde janeiro de 2017. Se você tem uma página e publica com frequência, pode ter percebido que o engajamento caiu. Mas por que?

A plataforma Buzzsumo analisou mais de 880 milhões de posts do Facebook publicados por marcas e criadores de conteúdo ao longo do ano e registrou que o número médio de engajamento caiu de 340 para 264 durante os primeiros 6 meses do ano, como o gráfico abaixo mostra.

engajamento caiu

A maior queda no engajamento ocorreu com publicações de imagens e links. E em relação aos posts de vídeos, houve a menor queda no engajamento: vídeos, agora, ganham o dobro do nível de engajamento comparados a outros formatos de posts. O gráfico abaixo demonstra a média de engajamento por categoria de post em junho de 2017.

Por que o engajamento do Facebook está caindo?

As informações coletadas nas pesquisas incluem engajamento de todos os tipos de publicações, incluindo os patrocinados. Há várias possíveis explicações para esse nível estar decaindo tanto ultimamente.

  1. Uma possível interpretação é a de que marcas e criadores de conteúdo passaram a gastar menos com anúncios pagos durante o ano, resultando em menos exposição e menos engajamento. De todo modo, pesquisas mostram o contrário: as marcas e criadores de conteúdo estão gastando mais com anúncios pagos.
  2. Uma explicação mais provável é que o alcance orgânico do Facebook tem caído significativamente e o aumento em alcance pago não permitiu que marcas e criadores de conteúdo mantivessem seus níveis de engajamento no Facebook.

A segunda explicação é mais provável, dado que o próprio Facebook reconhece que o alcance orgânico está caindo. Eles dizem que isso ocorre por dois motivos:

  1. Mais conteúdo. O Facebook diz que existem agora, em média, 1.500 histórias que podem aparecer no feed de notícias de um usuário. Então, a competição está aumentando e nem tudo pode aparecer.
  2. Facebook também vem fazendo mudanças em seu algoritmo – no caso, decidindo qual será o conteúdo mostrado aos usuários. Eles dizem que observam vários fatores para decidir o que aparece nos feeds, com o intuito de que o conteúdo que aparece lá seja o mais relevante. Outra mudança, por exemplo, foi “rebaixar” conteúdos com baixa qualidade e manchetes sensacionalistas que ocultam ou manipulam conteúdo para o leitor.

A queda no alcance orgânico também foi documentada em vários outros artigos. Por exemplo:

  • O Financial Times lançou uma pesquisa da Socialflow em junho de 2016 mostrando uma queda de 42% no alcance orgânico do Facebook.
  • A Marketing Land publicou um artigo em agosto de 2016 reportando uma queda de 52% no alcance orgânico do Facebook.

Outras potenciais razões para o declínio do alcance incluem:

  1. Competição no feed de notícias. Enquanto marcas e criadores de conteúdos estiverem aumentando seu tempo e seu gasto no marketing orgânico e pago no Facebook, mais competição haverá por um espaço relevante. A AdWeek reportou que as receitas do Facebook com anúncios no segundo trimestre de 2017 aumentou 47% comparado ao mesmo período de 2016.
  2. Mudanças recentes no algoritmo do Facebook que reduziram o alcance médio desde janeiro de 2017.

Demonstração nos dados

Com o passar do ano, foi possível observar um declínio no número de imagens e publicações de links e 10% de aumento nos posts de vídeos. Isso era de se esperar, dado que o foco do Facebook atualmente é em vídeo e o engajamento que esse formato gera é maior. De toda forma, os vídeos só representaram pouco mais de 10% de todos os posts durante o ano.

engajamento caiu

Agora que você já sabe em que tipo de conteúdo apostar – e, principalmente, qual foi o real motivo da queda do engajamento do seu conteúdo –, é hora de planejar sua comunicação novamente. Acesse nosso blog com dicas e ferramentas para você se dar bem na transformação e comente abaixo seus resultados!